terça-feira, 26 de abril de 2011

Permita-se

"Permita-se novos amores, novos tremores.
O sabor do complemento."




E eu que já não tinha mais esperanças, e que decidi não sorrir mais pro amor, estou aqui
tentando te convencer que você pode sim ser amado.
Não tente me provar que estou louca , logo você que não acredita no amor .
Esses sim são loucos, todos os poetas estão ao meu favor. Só é louco aquele que não se deixa amar .
E acredite , eu sei o que é sofrer de amor. Não importa como foi ou como é , a dor é sempre a mesma. Dói sempre no mesmo lado do peito .
Não precisamos seguir todas as leis, não precisamos ter compromissos oficiais nem assinar decretos. É só permitir amar , sem regra , sem receita , sem passo a passo. Se o resultado não for o esperado valeu o experimento. Experimentar você.
Mas se mesmo assim você me negar, só não me deixe só, porque eu tenho medo do escuro, medo do inseguro , dos fantasmas da minha voz .


Embalado pelas musicas da Vanessa da Mata , para uma grande amiga ;)

quarta-feira, 13 de abril de 2011

O universo conspira a nosso favor
A conseqüência do destino é o amor, pra sempre vou te amar


Incrível como a gente não sabe o nosso destino.
E eu que passava todas as noites pelo seu caminho, andava entre seus amigos.
Nem imaginava que poderia estar tão perto.
Foi por acaso que nos conhecemos, mas não por acaso que nos amamos.
Você é tudo que um dia eu quis pra mim, menos chatinho né, mas tudo bem.
Hoje é seu aniversário mas sou eu quem agradeço o presente. Obrigada por me dar a sensação de ser amada, mimada; obrigada por me fazer feliz nesses últimos seis meses que também estamos comemorando hoje.
Quero você sempre bem, sempre feliz. Te amo e quero você sempre comigo.

Feliz Aniversário amor !

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Sei lá ...

Sei lá...
Tem dias que a gente olha pra si
E se pergunta se é mesmo isso aí
Que a gente achou que ia ser
Quando a gente crescer
E nossa história de repente ficou
Alguma coisa que alguém inventou
A gente não se reconhece ali
No oposto de um déjà vu


Sei lá...
Tem tanta coisa que a gente não diz
E se pergunta se anda feliz
Com o rumo que a vida tomou
No trabalho e no amor
Se a gente é dono do próprio nariz
Ou o espelho é que se transformou
A gente não se reconhece ali
No oposto de um vis a vis

Por isso eu quero mais
Não dá pra ser depois
Do que ficou pra trás
Na hora que já é!

Já é - Lulu Santos.

Sinta


♪ Músicas online grátis! Acesse: www.powermusics.com