quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Eu vou tentar


Ao homem que ultimamente me faz feliz .

Hoje eu saio cedo
Sem saber se vou voltar
Caminho entre os carros
Deixo a rua me levar
Vou ser feliz
Longe daqui

E mesmo que eu encontre
Um caminho diferente
Que aproxime o eu de mim
E afaste o eu da gente
Eu vou tentar
Eu vou tentar

Vou só sem uma foto,
uma lembrança, uma canção
Te deixo de herança,
o som do velho violão
Acorde em Mi Maior
Pra você ter algo de mim

E sempre que estiver sozinha
Nas tardes de domingo
É só você pensar que eu
Eu vou voltar sorrindo
Eu vou tentar
Eu vou tentar

Eu vou tentar fazer você feliz
Nem que seja pela última vez
Eu vou tentar fazer você sentir
Tudo como na primeira vez

Eu vou tentar...

(Eu vou tentar - Ira!)

te amo Xavier .


segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Ainda lembro

Eu nem pensava em ter que esquecer você. Agora vem você dizer:
"Amor, eu errei com você e só assim pude entender, que o grande mal que eu fiz
Foi a mim mesmo".


Depois de tanto tempo, depois de tantas coisas, ainda lembro o que passou.
Ficam os sambas, ficam as roupas jogadas, ficam as músicas, ficam as cartas.
Os amores passam, as mágoas passam, as lembranças assombram.
E o que resta fazer com amores passados é lembrar, rir de alguns, sufocar outros em pensamento,
e quando não é tão passado assim , resta chorar.




quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Put Your Records On

Ninguém é tão alguém que não precise de ninguém.
Agradecendo aqui aos meus amigos mais do que especiais,
que eu posso contar e recontar.
Defeitos fazem parte, todos temos. E quando existe amor, tais ficam de lado.
Amo muito vocês, meus verdadeiros amigos.

Segue ai dois videos que fizeram pra mim,
Romulo tu canta muito bem meu amor (tirando a parte que teu pai te atrapalhou HAHHA)
E Jacq, amor, obrigada pelo presente de aniversário.



Garota, coloque seu som para tocar
Me diga sua musica favorita
Vá em frente, solte seu cabelos
Safira e jeans desbotado
Espero que alcance seus sonhos
Apenas vá em frente, solte seus cabelos
Você se encontrará em algum lugar, de alguma maneira

sábado, 16 de outubro de 2010

O inicio de um novo começo ...


Bom, hoje fazem 16 dias desde a 1ª vez que nos falamos. Domingo cinzento, Fausto Silva fazendo graça na tela da Globo, gatos no telhado e os cães latindo muito.Tinha tudo para ser mais um domingo de tédio, de repente sentado em frente ao PC pensei " bate papo", vou lá, e com um simples " oi d ond tc?" não sabia, mais algo iria mudar.
Aquela semana sem perceber estava mais feliz, mais alegre e algumas pessoas mais próximas perguntavam o porque daquele sorriso. Eu ainda não sabia responder, mais hoje já tenho a resposta.
Todos os dias tenho pensado em você, tento dormir, acordo pela madrugada e até os ambientes onde vou sinto falta de você ao meu lado.
Aquela segunda-feira, dia 04 de Outubro ficará para sempre registrada no meu coração, quando te vi na esquina e a 1ª palavra que saiu da sua boca " não acredito que você vai me fazer ir até ae" amei ... e aqueles quase 11 minutos foram maravilhosos, fantásticos, pude olhar nos seus olhos e me encantar mais e mais por você. Já até disse para você da pontinha de ciumes que sinto do pequeno Murilo, essa historia você já sabe ...
Gosto muito de você e quero te fazer muito feliz, não quero ser apenas um cara que fique com você as vezes, não quero ser um cara comum na sua vida, muito menos um cara que te magoe. Quero ser o cara que faça parte da sua vida, um cara que chore quando você chorar, o cara que te ame para sempre, aquele cara que se você dizer assim " Vamos passar a noite juntos Feh? Comendo pão-de-mel e tomando toddynho ... " Tô dentro!
Que nós dois sejamos um só ...
E a resposta da minha alegria ...
... Minha alegria é você Mah!


Felipe Xavier.

domingo, 3 de outubro de 2010

Pra ser sincero


E se antes eu falava do seu medo de arriscar e o desinteresse em me amar,
Hoje eu seguro a sua mão e danço a doce canção da ironia.
Nós dois temos os mesmos defeitos, sabemos tudo a nosso respeito.
Só hoje isso me é claro, só hoje pude ver o quanto eu tenho de você aqui dentro,
e não estou falando de sentimentos.
Agora me diz o que devo fazer, se aqui tudo me lembra você.
Da música em um filme de surf, até a sua camisa que veste meu corpo nesse momento.
Um fim de semana vazio, a lembrança de um sorriso que me enfraquece.
E toda a vez que o Gessinger tocar, e que no radio o som do Bob Marley rolar
inevitavelmente será de você que eu irei lembrar.
Então que componham novas canções de amor, porque todas as outras existentes eu já dediquei a você.
É como ter que nascer de novo, aprender a falar novas palavras, aprender a ler outros poemas, a escrever novos livros , aprender a amar novamente.
Um dia desses num desses encontros casuais, talvez a gente se encontre, talvez a gente encontre explicação.
Um dia desses num desses encontros casuais, talvez eu diga:
- Meu amigo, pra ser sincera, prazer em vê-lo! Até mais! ...

sábado, 18 de setembro de 2010

Porque você se fez tão linda?


Ela se encantou , nos encantou.
Amou a quem não soube ama-lá, chorou, se decepcionou.
Esperou a vida toda pelo lobo mau*, e só vieram os idiotas.
Ela lutou, e venceu todos os obstáculos.
Riu, me fez rir inúmeras vezes, me ajudou , me ouviu.
Foi a melhor companhia, a mais especial , a mais inusitada.
A que compartilhou sonhos, dividiu choros, amores imperfeitos.
Ela iluminou nossas vidas quando presente. E incrivelmente continua nos iluminando, mesmo com sua ausência.
Sei que foi feliz, mas merecia muito mais.
Merecia um lobo mau, merecia passar de fã a ídolo.
Merecia aquela torta naquela tarde.
Na verdade, nós merecíamos ter mais um pouco dela aqui.
Ela era incrível e continua sendo, nem que seja apenas em lembranças.
Ela é minha amiga, minha irmã, minha cabrita.

É morrendo de saudades que eu tento demonstrar um pouquinho do meu amor por você Mah.
Já faz alguns meses que você se foi, e está chegando seu niver.
Me lembro da vez que a gente se conheceu, daquela tarde aqui na rua.
Me lembro também da ultima vez que nos vimos, eu morrendo de medo de levar uma bronca da minha patroa porque você tava falando mal do lugar por não ter opções pra diabéticos.
E você mesmo odiando guaraná zero, tomou um, comeu dois pães de queijo e ficou morrendo de vontade de comer um pedaço de torta holandesa. Ai você me beijou, disse que me amava e me deu tchau.
Eu estou com tantas saudades.

* Piadinha interna da gente: uma vez eu falei pra ela não se ligar em príncipes, porque o barato era o sapo. E ela me respondeu " o barato é o lobo mal,que te ouve melhor,te cheira melhor,te ve melhor,e ainda te come ".

Você me fazia feliz cabrita!



Maybe ...




Talvez o amor próprio tenha acabado.
Pois é regra: pra se amar alguém tem que dilacerar o amor próprio.
Não se ama duas pessoas ao mesmo tempo. Compartilhar o que te sobra é dar esmolas.
E dar esmolas nunca é amar.

Talvez você não me entenda.
Porque talvez não queira entender. Pois tentamos fugir dos nossos medos.
Medo da solidão. Porque só quem já esteve realmente só, quando encontra companhia
tem medo de perde-lá mesmo ela não sendo a melhor.

Talvez o comodismo te acomoda.
Pois da preguiça só de pensar em mudar.
Porque mudança pode dar certo, assim como pode não dar.

Talvez você seja um macaco.
Cego, surdo e mudo.
Já que não vê quem te quer. Já que não escuta o meu coração acelerado. Já que não consegue
dizer um sim ou um não.

Talvez você me queira.
Pois eu te faço bem.
Porque eu te quero bem, porque um dia talvez eu possa ser o seu bem.

Mas ser o talvez de alguém nunca será bom.
Pois é regra: o talvez pode ser sim como também pode ser não.
E amar com duvida não é amar. É se auto-flagelar!


Texto embalado por "Maybe - Janis Joplin "

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Ordem e Regresso


De quatro em quatro anos nos obrigam a engolir o que os candidatos regurgitam.
Uma decoreba de numeros seguidos por uma rima medíocre e a suposta promessa de melhora.
O que antes era até engraçado, se comparado ao humor semanal da Globo (Rede de Alienação, digo de telecomunicação), agora é patético.
É repugnante ver a apelativa propaganda de alguns candi-otarios, exemplo perfeito é a candi-otaria Cameron Brasil que geme no seu vídeo de campanha as seguintes palavras " Vote na verdade, Vote com Prazer, Vote na Verdade , Cameron Brasil ... " - quase gozei com ela falando , não - Temos também a não menos repugnante Mulher Pera que tem como proposta " internet grátis, palestras contra as drogas e a chance do primeiro emprego para os jovens ".
Esse ano temos atriz pornô, dançarinas de funk, frutas, estilistas, ex-lutadores semi-analfabetos e palhaços, apesar que palhaços e analfabetos não são novidade.
Apesar de tudo, o que mais me embrulha o estômago, é o fato dos babacaleiros votarem nesses malditos. Nem vou entrar nos candi-otarios a presidência, porque me da uma vontade absurda de dar um tiro no Lula (que não é o Molusko) toda vez que ele fala " dilma " AHH Vá!
Até quando o povo vai engolir o gorfo desses babacas ? Chega de rir da desgraça, de acomodar com o que incomoda. Enquanto a gente só reclama, eles estão enchendo os bolsos, as cuecas, as meias, os panetones com o nosso dinheiro.

Chega, meu santo ta cansado!



sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Estações


Quero ser como as estações para você.
No outono, permitir que as magoas te deixem, como as folhas secas deixam as árvores.
Te deixando leve, sem amores e decepções passadas, pronto para receber o carinho do vento desconhecido vindo de outros lugares com outras canções.
No inverno fazer com que você fique mais um tempinho na cama pela manhã e nas suas tardes colorir teu céu. Te molhar com chuvas finas, purificar sua alma e seu coração.
E quando você começar a se entristecer, me transformar em primavera.
E perfumar você com meu cheiro de flor, e deixar florescer no seu coração a esperança.
E por fim que eu vire o seu verão, trazendo ventos bons e calor ao seu coração. Esticando seus dias e fazendo das suas noites as mais curtas do ano, o fazendo não querer outra estação no ano que não seja a minha.

terça-feira, 31 de agosto de 2010

O amor é




... uma espécie de preconceito. A gente ama o que precisa, ama o que faz sentir bem, ama o que é conveniente. Como pode dizer que ama uma pessoa quando há dez mil outras no mundo que você amaria mais se conhecesse?
Mas a gente nunca conhece.

Charles Bukowski



sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Só mais uma noite


Só uma noite e um lugar foi tudo que pude juntar
De um romance que acabou antes do fim ♪

Era pra ser só mais uma noite feliz, com meu nariz de palhaço e meu coração aberto.
Era pra ser só mais uma noite daquelas que eu não iria me preocupar com nada, só em sorrir.
Nossos caminhos quase não se cruzaram. Mas foi impossível, nossas vidas se encontraram pela segunda vez, naquela noite com mais atenção, os nossos gostos eram compatíveis, e ali em meio a tanta gente só existia o teu o olhar no meu olhar.
Era pra ser só mais uma noite saindo da rotina de brincar de imaginar.
Essa noite se estendeu em uma semana cheia de ansiedade e conflitos. Vi, revi e assumi meus conceitos tentando negar algo que era nítido.

Era pra ser só mais uma noite em um lugar chato, com pessoas que não fazem parte de mim.
Era pra ser só mais um sábado morto em um canto qualquer da cidade vizinha.
Mas você estava lá, existia luz de verdade no meio daquele neon.
E o que era pra ser só mais uma noite se tornou na unica lembrança que quero ter de você.
O seu sorriso foi meu sedativo até eu me render a nós dois.
Foi no fim de algum lugar que parecia ser o começo de algo bom.
Mas ficou ali, um romance que acabou antes do fim, naquela noite que era pra ser só mais uma noite qualquer.

domingo, 15 de agosto de 2010

Mais AMOR por favor ...


    ESTATUTO DO HOMEM
    (Ato Institucional Permanente)

    A Carlos Heitor Cony

    Artigo I

    Fica decretado que agora vale a verdade.
    agora vale a vida,
    e de mãos dadas,
    marcharemos todos pela vida verdadeira.


    Artigo II

    Fica decretado que todos os dias da semana,
    inclusive as terças-feiras mais cinzentas,
    têm direito a converter-se em manhãs de domingo.


    Artigo III

    Fica decretado que, a partir deste instante,
    haverá girassóis em todas as janelas,
    que os girassóis terão direito
    a abrir-se dentro da sombra;
    e que as janelas devem permanecer, o dia inteiro,
    abertas para o verde onde cresce a esperança.


    Artigo IV

    Fica decretado que o homem
    não precisará nunca mais
    duvidar do homem.
    Que o homem confiará no homem
    como a palmeira confia no vento,
    como o vento confia no ar,
    como o ar confia no campo azul do céu.


    Parágrafo único:

    O homem, confiará no homem
    como um menino confia em outro menino.


    Artigo V

    Fica decretado que os homens
    estão livres do jugo da mentira.
    Nunca mais será preciso usar
    a couraça do silêncio
    nem a armadura de palavras.
    O homem se sentará à mesa
    com seu olhar limpo
    porque a verdade passará a ser servida
    antes da sobremesa.


    Artigo VI

    Fica estabelecida, durante dez séculos,
    a prática sonhada pelo profeta Isaías,
    e o lobo e o cordeiro pastarão juntos
    e a comida de ambos terá o mesmo gosto de aurora.


    Artigo VII

    Por decreto irrevogável fica estabelecido
    o reinado permanente da justiça e da claridade,
    e a alegria será uma bandeira generosa
    para sempre desfraldada na alma do povo.


    Artigo VIII

    Fica decretado que a maior dor
    sempre foi e será sempre
    não poder dar-se amor a quem se ama
    e saber que é a água
    que dá à planta o milagre da flor.



    Artigo IX

    Fica permitido que o pão de cada dia
    tenha no homem o sinal de seu suor.
    Mas que sobretudo tenha
    sempre o quente sabor da ternura.


    Artigo X

    Fica permitido a qualquer pessoa,
    qualquer hora da vida,
    o uso do traje branco.


    Artigo XI

    Fica decretado, por definição,
    que o homem é um animal que ama
    e que por isso é belo,
    muito mais belo que a estrela da manhã.


    Artigo XII

    Decreta-se que nada será obrigado
    nem proibido,
    tudo será permitido,
    inclusive brincar com os rinocerontes
    e caminhar pelas tardes
    com uma imensa begônia na lapela.


    Parágrafo único:

    Só uma coisa fica proibida:
    amar sem amor.



    Artigo XIII

    Fica decretado que o dinheiro
    não poderá nunca mais comprar
    o sol das manhãs vindouras.
    Expulso do grande baú do medo,
    o dinheiro se transformará em uma espada fraternal
    para defender o direito de cantar
    e a festa do dia que chegou.


    Artigo Final.

    Fica proibido o uso da palavra liberdade,
    a qual será suprimida dos dicionários
    e do pântano enganoso das bocas.
    A partir deste instante
    a liberdade será algo vivo e transparente
    como um fogo ou um rio,
    e a sua morada será sempre
    o coração do homem.

Thiago de Mello
Santiago do Chile, abril de 1964

Inferno Pessoal

Estou de volta ao meu inferno pessoal ♪
Estou sempre de volta ao mesmo lugar, sabe aqueles cachorros perdidos?
Pois então, quando eu penso que tudo vai mudar, e vai dar certo dessa vez ... Rá estou de volta ao inicio.
Qual foi o erro dessa vez? Hum, CORAGEM! Mais uma vez faltou coragem. Minha? Não!
Muito pelo contrario, isso não me falta. Mas infelizmente nem todos tem.
Enfim, estou de volta a minha melhor fase (sim, a melhor!), pensando, pensando, ouvindo, mais ouvindo do que falando, curtindo meu inferno pessoal.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Na Natureza Selvagem





Quanto tempo hein? Estava criando coragem pra postar
aqui. Tenho milhões de assuntos mas me fogem todos (ou eu que fujo deles). Deixarei então uma dica pra quem curte um bom filme.
Semana passada assisti " Na Natureza Selvagem " (Sean Penn), longa baseado no livro homônimo de Jon Krakauer, que conta a historia de Christopher McCandless, um americano recém formado que deixa sua familia, seu dinheiro e a sociedade pra traz e decide cair no mundo com uma mochila nas costas rumo ao Alasca.
O filme é maravilhoso, tirei ótimas lições dele, sem falar que sempre tive vontade de por o pé na estrada durante um bom tempo, mas me falta coragem.
A trilha sonora é perfeita, o folk flui entre as cenas. Segue abaixo algumas músicas do filme.
Assistam , vale muitíssimo apena!


Hard Sun - Eddie Vedder
Society - Eddie Vedder
No Ceiling - Eddie Vedder
Long Nights - Eddie Vedder
The Wolf - Eddie Vedder
Guaranteed - Eddie Vedder


"Os únicos presentes que o mar te dá, são golpes duros, e, às vezes, a chance de sentir-se forte. Claro, não sei muito sobre o mar, mas sei que as coisas são assim por aqui. Também sei como que é importante na vida, não necessariamente ser forte, mas sentir-se forte, para se testar ao menos uma vez, para passar ao menos uma vez pela mais antiga condição human
a, enfrentando desafios sozinho, sem nada para ajudá-lo, exceto as próprias mãos e a cabeça."

( Christopher McCandless )


quinta-feira, 8 de julho de 2010

27 Dresses



Nessa semana a Kah - minha amiga - me mandou um site onde tinha um anel de tartaruga muito fofo, curiosa do jeito que sou fui dar uma olhada no site e descobri um guarda-roupas de tentações, vários vestidos lindos de todos os modelos e cores. Eu antigamente tinha pavor a vestidos, mas como estou aprendendo a ser menina comecei a gostar - também com tantos modelos, impossível não gostar - depois dos meus olhos brilharem por muitos, fiz uma seleção de vinte e sete vestidos dos quais eu mais gostei, ao lado de cada um tem o seu devido preço.

Espero que gostem ...
Bom, fikdik pra quem quiser me dar algum presente :D
Uns Beijos pra vocês :*

Créditos aos sites:
http://www.modcloth.com
http://www.hemlockvintage.com
http://www.poshgirlvintage.com


segunda-feira, 5 de julho de 2010

Poder descobrir e entender



E ontem, no instante que já passou eu poderia ter te falado cento e vinte e uma frases de amor, ter cantado um milhão e meio de canções em sete línguas diferentes.
Poderia ter morrido de amor, pra te amar em vida e depois dela também.
Poderia também ter tirado fotos de você enquanto você dormia, pra que se por ventura algum dia eu chegasse cansada do trabalho e não conseguir te olhar dormir, eu poderia olhar todas elas e lembrar o quanto você é lindo dormindo. Poderia ter te mimado, poderia ter te lambuzado e te comido, poderia ter feito qualquer coisa pra que você pudesse entender que eu quero você hoje, amanhã e depois também.
Mas hoje, no instante de agora, eu pude descobrir.
Descobrir que as vezes a gente não quer falar, quer ouvir. Que muitas vezes é bem melhor deixar só a música rolar do que acompanhar a canção no tom errado. E que em meio a tantas línguas só a minha e a sua são necessárias.
Descobrir que o melhor da fotografia é ter vivido o momento. Descobrir também que mimar, lambuzar e comer são coisas que se faz junto e que melhor do que explicar, é entender.
Entender que nós dois fomos feitos muito pra nós dois.


Texto embalado por "Nosso estranho Amor e Mimar você" do Caetano Veloso

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Não é fácil não pensar em você ...

Queria saber explicar em palavras o que estou sentindo, confesso que tentei nos últimos dois dias postar aqui o que se passa dentro de mim, mas parece que as palavras sumiram.
Sei que esta tudo bem, e que é uma das fases que eu tenho, é momento de recuar um pouco e observar, algumas coisas me irritam e não, não é tpm! Isso sempre acontece quando eu penso demais, e apesar dessa fase ser importante pra mim, eu não me sinto a vontade assim. Por isso que as vezes eu não penso muito nos meus problemas, tento resolver é claro, mas não me prendo a eles.

Não diria que o que me fez mudar de fase é um problema, muito pelo contrario, é a solução de vários deles. Creio que não posso fazer nada a não ser viver o momento, espero de coração que dê tudo certo dessa vez ...



" Eu quero a sorte de um amor tranqüilo com sabor de fruta mordida ... "

Todo Amor que Houver Nessa Vida - Cazuza


segunda-feira, 28 de junho de 2010

Les jeux sont faits


Parabéns pra mim por duas coisinhas, 19 aninhos e por agora eu ser uma técnica em Hidrologia.
Isso mesmo, acabou! Se passaram um ano e meio de curso, provas, amigos e muita dor de cabeça. Mas no final deu tudo certo, excelente trabalho, excelente apresentação. Parabéns pra todos nós!
Mas apesar desses dois grandes motivos, nenhum deles me motivou de fato a escrever aqui, quando sem querer eu achei uma musica que já estava perdida entre tantas outras que eu adoro e que marcaram algum momento na minha vida. " Les jeux sont faits " da francesa Rose, quando eu a ouvi pela primeira vez no ano passado eu realmente acreditava em que a pessoa que eu estava conhecendo fosse se encantar por mim, e que aquele momento seria importante, que a experiência valesse a pena. Mais uma vez eu apostei no numero errado, a pessoa não se encantou por mim, o momento foi de fato importante mas não valeu apena. E de bom mesmo eu só trago a música, que afinal seria um desperdício parar de ouvi-la por causa de um numero errado.
Eu continuo ouvindo boas músicas, e achando que as pessoas se encantam comigo, não sei se continuo apostando em numeros errados, e nem sei se um dia acertarei a aposta, talvez até seja melhor deixar de apostar, afinal apostas são jogos de azar , não quero sorte no jogo e nem no amor , prefiro simplesmente ser feliz.


sábado, 19 de junho de 2010

Quem sou eu ?!




Desenrolado: Quarta-feira, 18 de Junho de 2008.

(...) Eu não sei na verdade quem eu sou,
Já tentei calcular o meu valor, Mas sempre encontro sorriso e o meu paraíso é onde estou...
Por que a gente é desse jeito criando conceito pra tudo que restou? ...
Eu sou Bicho grilo Cheio de conflitos consumados dentro de mim.
Se hoje estou bem, amanha nem sei quem sou... Sera verdade ou mito?
Vem o desespero e depois meu grito!
Acho que é medo de perder, de ver que tudo esta perdido.
Ao teu lado eu faço cara, careta e risada.
Finjo me diluir a sua água só pra me misturar com você.
Sou menina boba de começo, meio e fim .. Histórias que apenas sai de mim!
Te pesso calma e carinho, tenha paciencia que te mostro o caminho.
Vem sem pressa e sozinho ... Bem vindo ao meu 'mundinho' :)


E você quem é?
Desenrolado: Sexta-Feira, 20 de Junho de 2008.



E Hoje eu sou assim,

Sem cor, sem brilho e sem sabor.

Porque um dia você me inventou

deu vida, depois tirou?

Nos chamam de " FUTURO DA NAÇÃO "



Desenrolado: Sábado, 08 de Novembro de 2008.




Fazem das nossas vidas um jogo de repressão
Crianças, do mundo viram peão
trabalham cedo , morrem aos poucos.
Alegrias medidas em conta-gotas,
perdem sua infância por causa do maldito cifrão.

Mas quem se importa?
Pra muitos isso é apenas mais uma reportagem da televisão.
A mesma que te engana e contamina a nossa geração.
Criança sem infância, de calos nas mãos,
pro sistema é a imagem de mais um voto em dia de eleição!
( esse sim é o motivo de as chamarem de Futuro da Nação)
Pra que acabar com essa fábrica
de alienados, sem cultura e educação
Se pra eles, o vencedor desse jogo
jamais será a nossa população?!

Velhas coisas



Desenrolado: Domingo, 29 de março de 2009


Aquelas velhas coisas já não me pertubam mais.
Nem o fato de passar noites sozinhas me assusta.
Pra falar a verdade , me sinto mais Eu estando sem você aqui!
- Depois de um certo tempo ao seu lado ( real? ), descobri que me dou bem com a solidão!
Eu gosto do meu silêncio, do jeito em que faço as coisas se movimentarem, eu gosto do tom da minha risada e da sinceridade do meu choro!

Eu me faço feliz, eu me consolo.
Talvez eu seja a minha melhor companhia!
Me cerco de proteção,me defendendo de todos os meus medos.
Me atrapalho com os meus desejos mais bobos, não sei explicar ( talves eles não foram feitos pra isso ).
Só sei que quanto mais desejo, mais longe do real se torna!
Então aprendi a te deixar livre ..
.. Que é pra ver se você volta.
que é pra ver se você vem ..
que é pra ver se você olha ...
Pra mim! ♥
Bora desenrolar?
Bom, to sem tempo pra postar aqui, por que aconteceu um milagre, estou trabalhando! (que toquem os sinos e digam Amém!)
Que alias, assim que tiver um tempo eu posto sobre o meu trabalho aqui, que apesar de ser recente já me rendeu umas boas risadas, ou pelo menos alguns motivos pra comprar um 38. Abafa.

Pois então, revirando um blog antigo achei alguns textos meus legais, e já que to sem tempo de escrever, to mandando em seguida uma sessão nostalgia . rsrs
Ahhh mandem positive vibration pra mim sexta que vem, ta chegando o grande dia, meu tcc! *medo* Brinks! " Hey medo, eu já não te escuto mais , você não me leva a nadaa! "

Uns beijos pra vocês ai ;*

Sinta


♪ Músicas online grátis! Acesse: www.powermusics.com